16 de dezembro de 2017

Teatro | 39 Degraus


Risos. Aplausos. Gargalhadas. Uma injeção de cultura e boa disposição. Mais risos. Mais aplausos. Mais gargalhadas. É o resumo da noite de ontem. Rir é mesmo melhor remédio. E a semana não podia ter terminado da melhor forma que assistir à comédia 39 Degraus. A sessão foi no Teatro-Cine de Torres Vedras. A companhia foi a melhor: amigos. 

A história gira em torno de um ilustre e bem parecido gentleman inglês que é procurado por um crime que não cometeu e se vê no meio de uma teia de espiões e muitas peripécias. Vera Kolodzig, João Didelet, Martinho Silva e Marcantónio Del Carlo desempenham mais de 100 personagens. Um espetáculo de John Buchan e Alfred Hitchcock, com produção da Yellow Star Company, encenação de Cláudio Hochman, tradução de Sílvia Baptista, cenogragia, figurinos e adereços de Sara Machado Graça e Ana Paula Rocha. Informação do site CM-TVedras.

A animação começa mesmo antes dos atores entrarem em palco, com o típico aviso em voz-off, a dizer que o espetáculo vai começar e informações gerais, transformado num momento de humor já com uma certa ligação à história. 

A peça é uma correria do início ao fim. Os atores não param. Há uma constante mudança de personagens. O cenário está sempre a mexer. Há intriga. Há espionagem. Há aventura. Há heróis. Há vilões. Há romance. O público não consegue parar de rir.

12 de dezembro de 2017

Música | Leve Como Uma Pena

Há muito que admiro a Ana Bacalhau, por ser fã dos Deolinda desde o seu primeiro álbum, Canção ao Lado, de 2008. 10 anos quase passados, a cantora lançou o seu primeiro álbum a solo. Foi na entrevista da Ana Bacalhau ao Maluco Beleza (podcast online do Rui Unas), que ouvi os primeiros segundos da canção Leve como uma pena. E não foi preciso mais para viciar na música. Já perdi a conta às vezes que a ouvi. Boa parte delas de seguida. A letra é exactamente o lema que preciso para a minha vida. E com um espírito inspirador, um ritmo contagiante e a poderosa voz da Ana Bacalhau, tem tudo para ser perfeita.